É cada vez mais importante atrair os mais novos para o património e a sua descoberta. Por que não fazê-lo através da dança?

Este ano, o Palácio Nacional de Sintra junta-se ao Palácio-Museu Wilanow, em Varsóvia, e a outras instituições portuguesas e polacas para promover o programa "Entre Mnemosine e Terpsícore – Património e Dança Contemporânea para a promoção do pensamento crítico nos jovens”. Foi neste âmbito que arrancou dia 11, no palácio da vila, o primeiro de dois workshops de dança contemporânea, com apresentações em Sintra e Varsóvia e intercâmbio de participantes.

Durante quatro semanas, alunos dos 14 aos 18 anos do Agrupamento de Escolas Monte da Lua vão trabalhar com professores da associação de dança contemporânea Meet Share Dance, com o objetivo de desenvolver não só as suas capacidades criativas, mas também a sua relação com o monumento em si, abordando os aspetos históricos do património de uma forma diferente. Temas como o corpo, a natureza, a memória e os sentidos serão explorados ao longo das várias sessões. Os alunos polacos do LXXXVI Liceum Ogólnokształcące im. Batalionu "Zośka", de Varsóvia, também trabalharão estas temáticas no Palácio-Museu Wilanow.

No final, cada grupo vai apresentar uma performance de dança, no monumento onde trabalhou: no Palácio Nacional de Sintra será em abril de 2022 e no Palácio-Museu Wilanow em maio do mesmo ano. Está prevista a presença dos alunos de Varsóvia no evento do Palácio Nacional de Sintra e vice-versa.


 WhatsApp Image 2021 10 12 at 09.17.50 1 resizeWhatsApp Image 2021 10 12 at 09.17.50 2 resizeWhatsApp Image 2021 10 12 at 09.17.50 3 resizeWhatsApp Image 2021 10 12 at 09.17.50 4 resizeWhatsApp Image 2021 10 12 at 09.17.50 resize